Início

Cursos

Textos

DVDs

Obras

Produtos

YouTube

Como chegar

Quem somos

Contato

Inocência útil 15

O comunismo é bem visto ou mal visto?


Penso que, para deixar de ser um inocente útil e manipulado pela política, as pessoas deveriam entender porque o comunismo é mal visto por muitos e defendido por tantos. Tomando apenas um lado, provavelmente estaremos atuando a favor do sistema no papel de inocentes úteis.

Há muitas acusações. Mas todas elas partem de sua estrutura: tanto o comunismo quanto o socialismo têm uma proposta no discurso e, de fato, apresentam outra.

Entre as principais contribuições de Karl Marx está o registro que, no capitalismo, os empresários detêm os meios de produção. Na proposta marxista os trabalhadores deveriam detê-los. E este é o discurso básico no comunismo: os trabalhadores deveriam ser os detentores dos meios de produção e para estes deveriam convergir os lucros e benefícios do capital. É por esta proposta que tantos se identificam com o comunismo.

No mínimo defendemos, como todas as pessoas com um mínimo de senso de justiça, as propostas que associamos ao socialismo: uma sociedade justa, em que todas as crianças têm, dentro do possível e com projetos de compensação, os mesmos tratos e as mesmas oportunidades de ensino, todos os adultos tenham as opções justas e valorizadas de trabalho, lazer, moradia etc.; todos tenham suas necessidades básicas atendidas; todas as pessoas, independente de credo, cor da pele, posição e opção sexual tenham seus direitos respeitados e oportunidades concretas, ou o mais próximo disto.

Ora, é injusto, no mínimo vergonhoso, não defender tais propostas!

Mas até agora os países assumidamente comunistas ou socialistas como a URSS ao início do século XX, a China e Cuba não conseguiram nem sociabilizar nem acabar com a divisão da sociedade em classes. Venezuela seguiu o mesmo caminho e aparentemente muitos países estão na mesma direção:

·        O Estado manteve a divisão em classes. Sabemos como é a divisão de classes em países capitalistas: baixa, média e alta. Mas fingimos ignorar que é também assim em países ditos comunistas: a alta formada pelo presidente e o alto escalão de juízes e militares, a média formada pelos opressores e a baixa formada pelo resto da população.  Entre os opressores entenda os que mantém a população geral sob domínio: juízes, pessoas do partido comunista que vigiam e controlam a população, guarda nacional, policiais civis e militares, milícias e todo grupo que o Estado use para oprimir e manter sob domínio a população em geral, como representantes das mídias e da Educação.

·        O Estado não sociabilizou. Retiraram os meios de produção dos burgueses e os passaram ao Estado, mas, ao manter a divisão da sociedade naquelas classes, os da classe alta e média têm mordomias, salário e valor acima dos que integram a classe baixa, regularmente ainda menores que os normais numa sociedade capitalista.

·        Pior. O comunismo rendeu à humanidade alguns milhões de mortes.

Buscando não cometer os mesmos erros de seus antecessores, alguns países europeus mantiveram o capital privado e procuraram priorizar políticas sociais. Como a Finlândia, Suécia, Suíça, Alemanha e tantos outros. Estão conseguindo:

·        Enfraquecer o Estado. Principalmente com a constituição do bloco União Europeia, o movimento, tanto a nível nacional quanto mundial, vem aumentando o poder e os valores nas mãos de cada vez menos pessoas. Explicarei melhor em texto ainda neste grupo de estudos.

·        Empobrecer a população. Mundialmente se tem diminuído tanto o número de pessoas na extrema pobreza quando nas classes A e B, inserindo-as entre os pobres.

·        Concentrar renda e poder nas mãos de um grupo econômico.

O comunismo é mal ou bem visto?

Isto não é nada importante. O importante é o resultado: o fortalecimento da globalização. O globalismo está de vento em popa. Um grupo cada vez mais rico e poderoso, populações de extrema pobreza diminuindo, todo o resto da população empobrecendo, poderes mais concentrados, ditaduras mais empoderadas, populações cada vez mais subjugadas. E a população dividida ajudando a eliminar ricos, mas não os suprarricos, o que tem por resultado a concentração de poder. Acreditando que é apenas a outra parte da população que assim atua. Inocentes úteis.

 

Continua em Inocência Útil 16

 


IBTED Cursos, Vídeos, Produtos, Editora e Terapias

Página inicial do grupo de estudos

Site do IBTED

Contato: (21) 99187-3020 (OI + Whatsapp) - [email protected]

Sociais: facebook/ibted   -  facebook/robertohaddad.ibted