Início

Cursos

Textos

DVDs

Obras

Produtos

YouTube

Como chegar

Quem somos

Contato

Idiotia útil 09

A esquerda e a direita disputam poder


Penso que uma das crenças sociais mais amplamente divulgada e descaradamente falsa seja a que existe uma disputa ampla entre a esquerda e a direita. De um lado os EUA, os liberais, os capitalistas; de outro, a China, os democratas, os comunistas e os socialistas. Como registrado na informação da Wikipédia anotada abaixo:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Esquerda_e_direita_(política): “O espectro político esquerda-direita é um conceito geral de enquadramento de ideologias e partidos. Esquerda e direita são muitas vezes apresentadas como opostas, embora um indivíduo ou grupo em particular possa eventualmente assumir uma posição mais à esquerda numa matéria e uma postura de direita ou até de extrema-direita noutras. Na França, onde os termos se originaram, a esquerda tem sido chamada de "o partido do movimento" e a direita de "o partido da ordem”.

Há um consenso geral de que a esquerda inclui progressistas, sociais-liberais, ambientalistas, social-democratas, democrático-socialistas, libertários socialistas, secularistas, socialistas, comunistas e anarquistas, enquanto direita inclui neoliberais, económico-libertários, conservadores, reacionários, neoconservadores, anarcocapitalistas, monarquistas, teocratas (incluindo parte dos governos islâmicos), nacionalistas, fascistas e nazistas.”

Sei que o povão e muitos de seus representantes se posicionam a partir dos atributos de esquerda e direita. Esta divisão é necessária para que, caso percebam que o Brasil é explorado por empresas de fora, não se unam, mas cada lado acuse o outro pela exploração, aumentando seu embate.

Penso ser necessária muita ingenuidade para acreditarmos nisto. Essa crença se desmonta com apenas uma questão: Quem financia a direita e quem, a esquerda?

·        Quem financia a direita? Fácil de responder: o grande capital.

·        Quem financia a esquerda? Wikileaks já mostrou: o grande capital.

São empresas nacionais e multinacionais que financiam a esquerda no Brasil. São empresas nacionais e multinacionais que financiam as esquerdas na União Europeia, nos EUA, no restante do mundo. Muitas destas só financiam a esquerda, outras apenas a direita e algumas ambos os lados.

Governos populistas falam muito de pobres. Mas pobres não financiam governos. Pobres votam e mantêm governos, mas são sustentados por estes. Há todo um sistema para manter os pobres na pobreza e sem valores disponíveis, logo, não são estes que financiam a esquerda, mas aqueles que os exploram. Pessoas ricas, empresas e ditadores detêm o poder e o capital, logo, são os que ficam com os frutos do trabalho de seu povo e financiam as mídias e o aparato policial e militar. E também o Bird, a ONU e seus projetos pelo mundo.

China x EUA? Os dois países têm seus representantes no órgão de Segurança da ONU. Têm um ótimo comércio internacional. Muitas empresas de um lado investem no outro país. Até há alguma disputa comercial decorrente das atividades do capital, vicissitudes do sistema que haja concorrência e reserva de mercado, mas nada que possamos identificar como uma guerra. Procure ver os embargos à Coréia do Norte impostos pela ONU, aí você perceberá o que é disputa esquerda x direita. Ou melhor: globalização x seus raros opositores. Globalização ou Nova Ordem Mundial, como preferem alguns e outros rechaçam.

Estas palavras ajudam a compreender o financiamento mundial de partidos: globalização ou Nova Ordem Mundial. Um grupo de supraempresários e famílias que possuem as multinacionais e grandes empresas nacionais. Só identificar quem ficou mais rico e poderoso com a pandemia: banqueiros, donos de supermercados, da indústria farmacêutica, do google e praticamente todos que enriqueceram em 2020. São estes que investem em políticos, principalmente os que abrem barreiras para que as suas empresas possam adquirir bens no mundo todo. Os mesmos políticos e famílias que financiam o BIRD e demais segmentos da ONU. Alguns dos quais estão interessados em adquirir as terras produtivas no Brasil. E que nossos políticos correm o risco de entregar, mesmo sem saber se serão chineses ou pessoas de outros povos que irão trabalhar nela, desempregando brasileiros. Regras da globalização.

 

Continua em idiotia útil 10

 


IBTED Cursos, Vídeos, Produtos, Editora e Terapias

Página inicial do grupo de estudos

Site do IBTED

Contato: (21) 99187-3020 (OI + Whatsapp) - [email protected]

Sociais: facebook/ibted   -  facebook/robertohaddad.ibted