Início

Cursos

Textos

DVDs

Obras

Produtos

YouTube

Como chegar

Quem somos

Contato

Textos

Os Mecanismos na Massagem Turbinada


A massagem turbinada faz parte de um protocolo de tratamento estético onde se associa o trabalho manual com outros recursos, alguns da massoterapia (como os bambus e a ventosa), outros não (como o ultrassom e a dietoterapia) e outros complementares (como produtos com princípios ativos e a terapia auricular).

Cada recurso possui seus mecanismos de ação. Neste texto, vamos relacionar apenas alguns dos mecanismos existentes nas manobras de massoterapia e nos seus recursos complementares.

Aumento do metabolismo celular

A principal função das terapias estéticas é o aumento da atividade celular, que pode ser primordialmente em duas frentes: no próprio tecido adiposo e na pele, ou muscular. Por isto regularmente combina aquecimento da pele com produtos que esfriam. Até porque estes aumentos metabólicos atuam de forma diferente: um quebra, outro queima a gordura.

Os produtos que esquentam aumentam a atividade celular na pele. Com isto as mitocôndrias liberam mais oxigênio, que é utilizado para a hidrólise das gorduras (quebra de parte da gordura interna na célula). Esta enzima transforma a gordura em ácidos graxos livres e glicerol, que são eliminados do tecido adiposo. Por esse motivo a cosmetologia utiliza princípios ativos com formas veiculares capazes de permear a pele e promover aumento na circulação sanguínea (como o nicotilato de metila). Entre as manobras massoterapêuticas, as fricções são as manobras que melhor promovem o aumento metabólico celular.

Aumento do metabolismo dos músculos

Os produtos que esfriam ou dão a sensação térmica de frio, fazem a célula liberar um hormônio, um dos muitos mensageiros que são liberados no sangue. O hipotálamo percebe o aumento deste hormônio (que indica perda de temperatura, frio) e promove a contratura muscular na região - visa liberar calor para equilibrar a temperatura, o que aumenta a queima de combustíveis. Assim dizemos que há a queima de combustíveis. Não da gordura em forma de gordura, como estava no adipócito, mas os açúcares e outros combustíveis que vêm pela corrente sanguínea e abastecem energeticamente o músculo contraído.

As manobras massoterapêuticas que visam essa queima são as percussões e as doloridas (dor e frio fazem a musculatura contrair).

Sabemos que este trabalho não consome obrigatoriamente as reservas energéticas locais. Exercícios físicos com o músculo reto-abdominal, por exemplo, não queima, infelizmente, diretamente as gordurinhas do abdome, mas as reservas de glicoses e outras reservas energéticas que vêm na corrente sanguínea. Mas sem dúvidas é um recurso muito útil, até porque, ao queimá-las, evitam que venham a se somar às gordurinhas localizadas.

Aumento do metabolismo geral

Há linhas que acreditam que as massagens estéticas não queimam ou diminuem a massa de gordura, eu entre elas. Acreditam que exercícios físicos regulares aumentam após algum tempo o metabolismo geral e então o corpo passa a gastar suas reservas energéticas. Assim como as massoterapias, que aumentam momentaneamente o metabolismo, mas persistindo por algumas semanas ou meses, assim como nas atividades físicas, o corpo reage aumentando seu próprio metabolismo.

Há alguns trabalhos na internet mostrando que, após 20 seções de massoterapia estética, não há redução da capa de gordura. Nestes casos apenas a compensação muscular - contratura de músculos como os do abdome ou glúteos por causa das fortes manobras da massoterapia - foram responsáveis por mudanças em algumas medidas, como a cintura.

Efeito mecânico na aglomeração dos adipócitos

Voltando-nos ao visual do FEG (fibroedemagelóide ou celulite), sabemos que as depressões cutâneas que dão à pele o efeito de casca de laranja se dão porque as células de gordura – os adipócitos – se aglomeram. Desta forma os recursos que podem atuar na quebra destes aglomerados em porções menores não podem ser descartados, como as manobras pesadas de massoterapia, a manobra miofascial (que não deveria ter este nome porque, no caso, não é feita em tendões, ligamentos ou pontos gatilho) e a ventosa. Manobras com pedras, cuités e bambus também se aplicarão com esta finalidade.

Ação hipotalâmica

Desde que se comprovou que a gordura do corpo produz alguns hormônios, ela deixou de ser considerada apenas um tecido termo-controlador e de reserva energética e passou a ser vista também como uma glândula. Dentre esses hormônios se destacam os peptídeos, que, entre outras funções, dão ao cérebro a sensação de saciedade, tão buscada nos tais programas. Os peptídeos interagem com vários produtos, que podem aumentar ou diminuir sua captação (seus efeitos). Hormônios do estresse, como cortisol, reduzem seus efeitos, entre estes a sensação de saciedade.

Destaque merecem certos óleos graxos como o ácido palmítico, que interagem positivamente com os peptídeos no sentido de aumentar a sensação e a duração da saciedade.

Ora, todos os trabalhos que promovem a propriocepção estimulam reações hipotalâmicas e a sensação de bem estar. Aqui se colocam todas as terapias e atividades corporais suaves e várias terapias alternativas, como a terapia auricular. Assim as manobras massoterapêuticas suaves e proprioceptivas, como o deslizamento, são bem vistas e benvindas aos programas tanto quanto a terapia auricular.

Conclusão

As massoterapias podem contribuir de várias formas nos programas de lipomodelação. Some a estas contribuições atributos específicos de alguns recursos complementares como as pedras, os bambus e os cuités. Como a capacidade de acumular calor, de estimular propriocepção, de economizar os esforços dos terapeutas, o efeito psicológico que o glamour elicia (que promove reações hipotalâmicas), o efeito drenante das terapias suaves podem alcançar se isto estiver entre os objetivos do terapeuta e até os efeitos de estimulação muscular.

Cabe ao terapeuta cuidar para que utilize recursos que abarquem o máximo possível desses objetivos enquanto procuram economizar seus esforços e contribuir para a qualidade das terapias Estéticas.

O que o deixa na obrigação de pesquisar outros recursos como produtos, bandagens e terapias complementares, além de recomendar ao seu cliente ainda outros como dietoterapia e a prática de exercícios físicos orientados. 

 Na atualidade não estamos oferecendo o curso Massagem Turbinada. Visando aumentar a eficácia, foi parcialmente incorporado pelos cursos Massoterapia Ampla, Ventosa e os de recursos Cativantes.

Sobre o curso Massoterapia Ampla.

Sobre o curso Ventosa.

Textos complementares: Critica à drenagem turbinada - Lendas da Estética - Drenagem linfática atualizada - Que curso fazer, para esteticistas.


Texto Como encontrar o assunto do seu interesse - texto, curso, doação, passeio etc.

Site do IBTED. Sobre cursos, textos, vídeos, produtos e outras informações.

Contato: contato.ibted@gmail.com.

Para receber textos sobre Terapias Alternativas, curta IBTED Terapias no facebook (facebook/ibted).

Para receber textos sobre Fisiologia curta Roberto Haddad no facebook (facebook/robertohaddad.ibted).

Peça para ser amigo de Roberto Haddad no facebook (facebook/carlosroberto.serraohaddad).

 

IBTED Cursos, Produtos, Editora e Terapias

Contato: (21) 4126-5770 (TIM fixo) - (21) 99187-3020 (OI + Whatsapp) - 98250-0538 (TIM)

contato.ibted@gmail.com  -  facebook/ibted   -  facebook/robertohaddad.ibted